quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012



Nome Técnico:
Camellia japonica L.
Sin.:Thea japonica (L.) Baill.
Nomes Populares :
Camelia
Família :
Angiospermae – Família Theaceae
Origem:
Originária da Ásia

Descrição:
Planta arbustiva ou árvore de lento crescimento pode atingir até 6,0 metros de altura, de folhagem perene, com folhas ovais brilhantes e coriáceas de bordas denteadas.
As flores podem se apresentar inseridas nas axilas das folhas, de formato simples ou com muitas pétalas, nas cores branca, rosa, vermelha e variegadas de branco e rosa.
O florescimento se inicia no outono e inverno ocorrendo durante muitos meses.
Podem ser cultivadas em quase todo o país, menos em lugares muito ao norte, de clima mais tropical.

Cultivo:
Local de plantio ensolarado, mas em regiões de sol muito quente e forte pode ser cultivada à meia sombra.
O solo deve ser fértil, profundo e bem drenado com pH entre neutro a levemente ácido.
Preparar a cova de plantio duas vezes o tamanho do torrão.
Garantir a drenagem com areia de construção, misturando no fundo com a terra.
Colocar adubo animal curtido de gado ou aves, cerca de 1 litro por muda de tamanho padrão ( altura de 1,20 a 1,80 m), misturando com composto orgânico.
Colocar a muda, soltando a terra das laterais do torrão para melhor desenvolvimento das raízes.
Adicionar o composto orgânico até preencher o espaço, apertar a terra junto da muda e regar.
Se a planta é proveniente de viveiro por vezes já vem com tutor, senão poderá colocar um antes do plantio, fazendo um amarrado em oito para não estrangular a planta.
Regar bem durante uma semana ou mais para que a muda possa sobreviver.
A melhor época de plantio é no final do outono ou na estação das chuvas.
As adubações posteriores poderão ser feitas com a adição de composto orgânico, adubo animal curtido e adubo granulado NPK de formulação 4-14-8, antes da floração do inverno e depois que diminuir a quantidade de flores e a planta iniciar seu crescimento vegetativo.
Se estiver plantada no chão, fazer um pequeno valo ao redor da projeção da copa da planta e colocar esta mistura, regando a seguir.

Propagação e Mudas:
Para fazer mudas de camélia é preciso esperar a primavera, quando a planta está crescendo.
Retirar pequenos ramos da ponta ou do meio e colocar para enraizar em substrato tipo areia ou casca de arroz carbonizada, mantidas úmidas e à sombra.
Os ramos da ponta produzem flores em 3 a 4 anos enquanto os do meio levam mais tempo.
Usar hormônio de enraizamento para garantir a emissão mais rápida de raízes, o que poderá ocorrer entre 6 a 12 semanas com temperaturas entre 12 e 20 ºC.

Ambiente e uso decorativo:
É uma planta que durante muito tempo ornamentou os jardins.
Passou por um tempo esquecida mas agora está sendo muito solicitada nos viveiristas.
Sua produção intensa e prolongada de flores é uma garantia de cor em meio à folhagem verde dos jardins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário